Etiquetas

, , ,


Luís Filipe Vieira

Luís Filipe Vieira pede uma “postura positiva” em relação ao vídeo-árbitro e deixa recado aos críticos.

Luís Filipe Vieira acredita que a introdução do vídeo-árbitro irá acalmar a contestação em relação aos árbitros mas que não resolverá todos os problemas. O presidente do Benfica chama a atenção para o facto de que, em algumas ocasiões, os sucessivos ataques à arbitragem não passam de manobras por partes dos clubes.

“Eu acho que há todas as condições para que com a introdução do vídeo-árbitro, que a contestação aos árbitros acabe”, começou por dizer, em declarações ao programa Tempo Extra da SIC Notícias, antes de atribuir o mérito da iniciativa a Rui Santos, comentador desportivo que desde cedo defende a implementação da tecnologia no futebol português.

“Deixe também dizer uma coisa que é importante. Para não haver muitos padrinhos em relação do vídeo-árbitro, dizer que Rui Santos é o grande obreiro do vídeoárbitro, independentemente de ser a Federação a pô-lo em prático. Já havia um trabalho bastante profundo e um alerta importante”, explicou.

Questionado sobre os possíveis erros que possam acontecer neste primeiro ano de implementação do sistema, Luís Filipe Vieira espera que todos “os agentes desportivos” adoptem uma “postura positiva”.

“Eu acho que todas as pessoas que estão ligados ao mundo desportivo devem ter essa postura, sabendo que o vídeo-árbitro vai ajudar os árbitros mas não vai resolver tudo. Vão sempre haver erros nos jogos de futebol. Todos os agentes que estão no futebol se tiverem essa postura, uma postura bastante positiva, de certeza que as coisas irão ficar positivas. Estão criadas as condições para se acabar com as polémicas constantes que acontecem todos os domingos e que têm prejudicado o futebol, e por vezes tentando encobrir os erros dos outros em prol de atacar os árbitros”, referiu, sem antes deixar um último recado a todos aqueles que têm questionado os títulos conquistados pelo Benfica.

“[O Benfica] vai perseguir o penta de certeza e esperamos que as pessoas passem a dar o devido valor ao Benfica e que se acabem as desculpas. Nós não temos dúvidas que, no futebol português, somos os mais competentes”, rematou.

Fonte: Noticias ao Minuto