Etiquetas

, , , ,


João Gabriel

Ex-diretor de comunicação do Benfica responde ao FC Porto, que falou de “república das bananas”.

João Gabriel recorreu às redes sociais para responder às acusações feitas, este domingo, pelo FC Porto, através da newsletter Dragões Diário.

Os azuis e brancos lamentaram que, “no jogo de consagração da Liga Salazar”, tivessem marcado presença “o primeiro-ministro António Costa e o ministro das Finanças, Mário Centeno, ao lado de Luís Filipe Vieira”.

“O primeiro-ministro e o ministro das Finanças estão fartos de saber que o Benfica presta apoio ilegítimo e ilegal a claques ilegais que ainda recentemente provocaram mais uma morte. Há repúblicas das bananas mais sérias”, completaram.

Na sua página no Twitter, João Gabriel deixou um recado: “República das bananas? Um recalcamento de certeza! Nada mais ajustado para quem viveu da fruta durante décadas!”.

“E uma democracia que branqueou e excluiu as provas do maior escândalo de corrupção desportiva em Portugal é uma república de que?”, completou.

Fonte: Noticias ao Minuto