Etiquetas

, , , , ,


“Há as pessoas e há o desperdício biológico”, justifica inventor do jogo da morte.

“Há as pessoas e há o desperdício biológico”, justifica inventor do jogo da morte.

O jovem de 21 anos detido por suspeitas de ser o responsável pelo jogo ‘Baleia Azul’ confessou os crimes que lhe são imputados e justificou a invenção dizendo que está a tentar “limpar a sociedade”.

“Há as pessoas e há o desperdício biológico, aqueles que não representam qualquer valor para a sociedade, que causam ou causarão somente dano à sociedade. Eu estava a limpar a nossa sociedade de tais pessoas”, afirmou Philipp Budeikin, detido no seguimento da morte de vários adolescentes e preso numa cadeia de São Petersburgo, na Rússia.

“O mundo vai entender. Eles [os jogadores] estavam a morrer felizes. Eu estava a dar-lhes o que eles não tinham na vida real: carinho, compreensão e conexão”, justificou ainda o jovem de 21 anos que as autoridades acusam de ter incitado pelo menos 16 adolescentes à morte, de acordo com o jornal britânico Metro.
Fonte: Noticias ao Minuto