Etiquetas

, , , ,


Eduardo Barroso

Eduardo Barroso não vê como o técnico possa pedir mais esforços financeiros a Bruno de Carvalho.

Eduardo Barroso diz desconhecer qualquer desentendimento à vista entre Bruno de Carvalho e Jorge Jesus, apesar das notícias que surgiram, esta quarta-feira, na imprensa nacional, que dão conta da possível saída de Alvalade.

Em entrevista à Rádio Renascença, o antigo presidente da Mesa da Assembleia Geral não vê, ainda, motivo para o técnico pedir mais esforços financeiros ao presidente leonino, já que não foi descoberto “petróleo em Alcochete ou em Alvalade”.

“Se Jesus chegar ao pé do presidente e disser: “Olhe, isto sem Ronaldos, nem Messis, não vai lá. Temos dinheiro para isso ou não? Não, não temos, mas foi para isso que te contratámos, porque o meu amigo é o rei da tática e da estratégia. Então tem que se ver”, atirou.

Eduardo Barroso recordou, ainda, o trabalho levado a cabo por Bruno de Carvalho, que, quando assumiu a presidência do Sporting, o clube não tinha “um tostão para pagar o ordenado a um porteiro”.

“Bruno de Carvalho sempre disse que era possível recuperar economicamente o clube e obter resultados desportivos. E cumpriu, fez o que era possível”, terminou.

Fonte: Noticias ao Minuto