Etiquetas

, , , ,


Benfica ūüÜö Mar√≠timo

Benfica X Marítimo

O¬†Benfica venceu tranquilamente o Mar√≠timo por 3-0¬†no Est√°dio da Luz e¬†colocou press√£o no FC Porto, que joga este s√°bado no terreno do Sp. Braga. Os ‚Äúencarnados‚ÄĚ realizaram uma¬†bela exibi√ß√£o,¬†em especial na primeira parte, altura em que foram marcados todos os golos da partida.¬†Jonas, com¬†um recorde batido e dois golos,¬†foi a grande figura da partida, mas n√£o foi preciso muito para o Benfica se superiorizar, dada a¬†fraca presta√ß√£o ofensiva dos insulares.

O Jogo explicado em N√ļmeros¬†ūüďä

  • Primeiros momentos de muita bola para o Benfica, mas praticamente zero em termos de produ√ß√£o ofensiva. Aos¬†dez minutos as ‚Äú√°guias‚ÄĚ somavam 76% de posse, mas n√£o se registava qualquer remate na partida ‚Äď o primeiro surgiu aos 14 minutos, por¬†Pizzi, para fora.

Ver imagem no Twitter
  • Jogo de sentido √ļnico¬†at√© aos 25 minutos, com o Benfica a dispor de 81% de posse, quatro remates, tr√™s enquadrados e com o jogo a decorrer cerca de 55% do tempo no meio-campo e 31% no √ļltimo ter√ßo ofensivo dos ‚Äúencarnados‚ÄĚ. A faixa direita, de¬†Salvioe¬†N√©lson Semedo, era a mais usada (48% das vezes).
  • Aos 31 minutos o guarda-redes do Mar√≠timo,¬†Charles, efectuou a sua sexta defesa,¬†igualando o recorde de defesas numa primeira parte, numa altura em que¬†Jonasera o mais rematador e com mais pontaria (a totalidade das suas quatro tentativas foram enquadradas). O Benfica, por√©m, registava sete disparos (insulares s√≥ um), mas¬†seis de fora da √°rea, demonstrativo da¬†forma fechada como jogava o Mar√≠timo.

Ver imagem no Twitter
  • At√© que tudo mudou em apenas minuto e meio. Aos 34,¬†Lu√≠s Martins¬†tentou interceptar um passe de¬†Rafa¬†e colocou a bola no fundo da sua pr√≥pria baliza. E aos 36,¬†Pizziassistiu¬†Jonas¬†para o 2-0. Foi o¬†quinto disparo enquadrado do brasileiro¬†em outras tantas tentativas.
  • Em cima do intervalo,¬†Jonas¬†coroou uma exibi√ß√£o em cheio com o 3-0, √† segunda tentativa.

Ver imagem no Twitter
  • Intervalo¬†Boa exibi√ß√£o do Benfica¬†perante um Mar√≠timo completamente encostado √† sua grande √°rea ‚Äď como¬†mostram os sete remates do Benfica de fora da √°rea, em 12, e os 79% de posse de bola dos homens da casa. Mas mais do que os n√ļmeros colectivos¬†importa destacar os de um s√≥ homem.¬†Jonas¬†fez um bis na primeira parte, mas alcan√ßou-o em grande estilo.¬†Em apenas 45 minutos o brasileiro bateu o recorde de remates enquadrados de qualquer jogador‚Ķ em 90 minutos. O m√°ximo pertencia a¬†Bas Dost,¬†Maur√≠des¬†e¬†Diogo Jota, com seis, mas¬†Jonas¬†fez sete √† baliza em sete tentativas, quatro de fora da √°rea (outro recorde da Liga 16/17)! O¬†GoalPoint Rating¬†de¬†9.4¬†assentava-lhe que nem uma luva.

Ver imagem no Twitter
  • Jogo mais pausado no reatamento, mas mais do mesmo em termos de tend√™ncia. Nos primeiros 15 minutos da segunda parte os ‚Äúencarnados‚ÄĚ controlavam a partida, mas agora ‚Äúapenas‚ÄĚ com 55% de posse de bola, bem como dois remates, desenquadrados. E aos 61 minutos,¬†o homem da partida, Jonas, teve de ser substitu√≠do por¬†Zivkovic, devido a problemas f√≠sicos.
  • O jogo dava para Rui Vit√≥ria gerir e, aos 69 minutos, tirou¬†Pizzi¬†para lan√ßar¬†Filipe Augusto. Nesta fase os da casa somavam ainda 55% de posse, cinco remates na primeira parte, mas apenas um enquadrado ‚Äď o Mar√≠timo registava dois desde o descanso, nenhum √† baliza,¬†algo que conseguiu apenas aos 73 minutos.

Ver imagem no Twitter
  • O¬†Mar√≠timo, ainda assim, esteve muito¬†melhor no segundo tempo. Para al√©m de ter mais bola (44% aos 80 minutos, referente √† segunda parte), registou tamb√©m tr√™s disparos no segundo tempo, contra um no primeiro, mas apenas um enquadrado. Subiu tamb√©m de 58% de passes certos na etapa inicial para 77% nesta fase.

O Homem do Jogo 

Jonas¬†saiu aos 61 minutos, tocado, mas a distin√ß√£o de¬†melhor em campo¬†j√° a tinha no bolso desde o final da primeira parte.¬†O brasileiro regressou √†s grandes exibi√ß√Ķes, com¬†dois golos em sete remates, todos eles enquadrados, batendo o recorde deste detalhe na Liga NOS¬†em apenas 45 minutos. E desses disparos, quatro foram de fora da √°rea, o que torna o feito ainda mais assinal√°vel. Depois disto, n√£o havia forma de o desalojar do primeiro lugar no¬†GoalPoint Rating, o qual terminou com¬†9.2.

Ver imagem no Twitter
¬†Jogadores em foco¬†ūüĒļūüĒĽ¬†
  • Rafa Silva¬†6.3¬†‚ÄstGrande jogo do pequeno atacante. O seu¬†rating¬†n√£o reflecte na totalidade tudo o que fez em campo, pois n√£o registou qualquer golo ou assist√™ncia, mas esteve na origem do 1-0, fez quatro passes para finaliza√ß√£o, o m√°ximo da partida, e teve sucesso em quatro das cinco tentativas de drible.
  • Pizzi¬†7.1¬†‚Äď O segundo melhor em campo. O m√©dio saiu aos 69 minutos, para o merecido descanso, mas foi para casa com dois remates (desenquadrados), uma assist√™ncia, dois passes para finaliza√ß√£o, 92% de passes certos e o m√°ximo de toques na bola: 96.
  • Charles¬†7.0¬†‚Äď Respons√°vel, provavelmente, por o resultado n√£o ser¬†mais volumoso. O guarda-redes do Mar√≠timo igualou, em 31 minutos, o recorde de defesas¬†em qualquer primeira parte da Liga NOS (6), e terminou com oito, tr√™s delas a remates dentro da sua grande √°rea.
  • Salvio¬†6.0¬†‚ÄstEst√° a ser dif√≠cil adjectivar as exibi√ß√Ķes de Salvio. Alterna o muito bom com o muito mau, est√° com falta de confian√ßa, n√£o marca golos e neste jogo registou tr√™s remates, s√≥ um √† baliza, e perdeu a bola 23 vezes. Por outro lado teve sucesso em quatro de seis tentativas de drible e registou dois desarmes e duas intercep√ß√Ķes.
  • Grimaldo¬†6.9¬†‚Äď Parece querer regressar rapidamente √† melhor forma. Foi o terceiro melhor do Benfica, com um remate, quatro passes para finaliza√ß√£o (tr√™s de bola parada, √© certo), acertou tr√™s de seis tentativas de drible e esteve muito interventivo, com 86 interac√ß√Ķes com a bola.

Fonte: goalpoint.pt