Etiquetas

, , , , , ,


saúde digestiva

É na boa digestão que a saúde começa. Vamos tratar da sua?

O processo digestivo é aquele que faz com que os alimentos orgânicos se convertam em compostos menores hidrossolúveis e absorvíveis, de forma a que os nutrientes sejam armazenados no organismo e a saúde em geral beneficie deles.

Uma vez que passa por uma série de órgãos e que implica um esforço por parte do organismo, a digestão é um dos aspetos mais importantes do corpo humano, interferindo diretamente com a saúde e bem-estar geral. Azia, afrontamentos, dor abdominais, náuseas e vómitos são alguns dos sinais mais comuns da má digestão, que está ainda à mercê da capacidade do próprio organismo digerir determinados alimentos, como é o caso dos alergénios. A má digestão compromete o uso de nutrientes, o que, por si só, é já penoso para a saúde.

A escolha acertada dos alimentos facilita o processo digestivo, uma vez que não provoca nenhum estado de choque e permite que todos os nutrientes importantes sejam fácil e convenientemente absorvidos.

Como conta o site Mind Body Green, existem alimentos que se assumem como verdadeiros amigos da digestão – e, claro, da saúde, uma vez que possuem um vasto leque de nutrientes facilmente captados pelo organismo. É o caso dos grãos integrais, que são ricos em fibra e reforçam o microbioma. Também pela elevada quantidade de fibra, as sementes de chia são outro alimento a incluir na alimentação diária, devendo-se, porém, ter o cuidado de as hidratar antes de consumir.

Por conter propriedades anti-inflamatórias, o açafrão é também um aliado da digestão, podendo o seu poder ficar ainda mais intenso quando consumido juntamente com pimenta preta.

O alho, o gengibre e os vegetais crucíferos (brócolos, couve-de-bruxelas, couve-flor) são outros exemplos de alimentos importantes para o processo digestivo, se bem que estes alimentos devem ser consumidos depois de cozinhados a vapor por pouco tempo ou salteados em azeite.

Fonte: Noticias ao Minuto